Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Greve de Professores Parece Ter Chegado ao Fim... Sem Acordo

por cunha ribeiro, Terça-feira, 25.06.13

As negociações entre professores e Governo chegaram ao fim sem que as partes tenham chegado a acordo, esta terça-feira. Contudo, os sindicatos suspendem a greve às avaliações. Os professores vão fazer greve geral na quinta-feira, mas regressarão às escolas no próximo dia 28.

A partir de sexta-feira as escolas podem voltar à normalidade“, afirmou Mário Nogueira, líder da Federação Nacional dos Professores (Fenprof) à saída do ministério, em Lisboa.
O sindicalista acrescentou porém que “é preciso continuar a combater um Governo que está a destruir o país” e “um Ministério da Educação que está a desmantelar a escola pública”.


 

Os professores terminaram a greve às avaliações, após várias cedências do Ministério da Educação e Ciência.

Os representantes dos sindicatos e o secretário de Estado da Educação, Casanova de Almeida, assinam esta tarde uma “ata negocial”, que permite que já nesta quarta-feira comecem a ser lançadas as notas de cerca de um milhão de alunos.

O MEC cedeu em várias questões, nomeadamente no adiamento para fevereiro de 2015 da entrada em vigor da mobilidade na educação.

Também os professores que estão com horário zero vão poder desempenhar outras funções nas escolas, relacionadas com o combate ao insucesso escolar, por exemplo, apoio ao estudo, coadjuvação de aulas ou aulas de substituição.

Outro dos pontos de convergência entre Governo e sindicatos respeita à componente letiva passar a ser considerada no caso dos professores diretores de turma.

O Ministério garantiu ainda que os mais de 4000 professores que estão à espera da reforma não vão ter turmas atribuídas no próximo ano letivo, libertando esses horários para outros docentes.


Autoria e outros dados (tags, etc)

por cunha ribeiro às 14:59

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.