Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Greve de Professores Parece Ter Chegado ao Fim... Sem Acordo

por cunha ribeiro, Terça-feira, 25.06.13

As negociações entre professores e Governo chegaram ao fim sem que as partes tenham chegado a acordo, esta terça-feira. Contudo, os sindicatos suspendem a greve às avaliações. Os professores vão fazer greve geral na quinta-feira, mas regressarão às escolas no próximo dia 28.

A partir de sexta-feira as escolas podem voltar à normalidade“, afirmou Mário Nogueira, líder da Federação Nacional dos Professores (Fenprof) à saída do ministério, em Lisboa.
O sindicalista acrescentou porém que “é preciso continuar a combater um Governo que está a destruir o país” e “um Ministério da Educação que está a desmantelar a escola pública”.


 

Os professores terminaram a greve às avaliações, após várias cedências do Ministério da Educação e Ciência.

Os representantes dos sindicatos e o secretário de Estado da Educação, Casanova de Almeida, assinam esta tarde uma “ata negocial”, que permite que já nesta quarta-feira comecem a ser lançadas as notas de cerca de um milhão de alunos.

O MEC cedeu em várias questões, nomeadamente no adiamento para fevereiro de 2015 da entrada em vigor da mobilidade na educação.

Também os professores que estão com horário zero vão poder desempenhar outras funções nas escolas, relacionadas com o combate ao insucesso escolar, por exemplo, apoio ao estudo, coadjuvação de aulas ou aulas de substituição.

Outro dos pontos de convergência entre Governo e sindicatos respeita à componente letiva passar a ser considerada no caso dos professores diretores de turma.

O Ministério garantiu ainda que os mais de 4000 professores que estão à espera da reforma não vão ter turmas atribuídas no próximo ano letivo, libertando esses horários para outros docentes.


Autoria e outros dados (tags, etc)

por cunha ribeiro às 14:59

Já Saiu o Despacho com o Calendário Escolar do Próximo Ano

por cunha ribeiro, Terça-feira, 25.06.13

ANEXO I


Calendário escolar para os ensinos básico e secundário, incluindo a educação especial


                                                                               
1.º períodoComeça entre 12 e 16 de setembro de 2013, inclusive,  e termina a 17 de dezembro de 2013.


2.º períodoTem início a 6 de janeiro de 2014, e termina a 4 de abril de 2014.


3.º períodoComeça a 22 de abril de 2014 e termina a 6 de junho de 2014 — para os alunos   do   6.º (2), 9.º, 11.º e 12.º anos.
Entre 6 e 13 de junho de 2014, inclusive (1), - para os alunos do 4.º ano (2).
13 de junho de 2014 — para os alunos dos 1.º, 2.º, 3.º, 5.º, 7.º, 8.º e 10.º anos.
4 de julho de 2014 — para a educação pré-escolar e para os alunos dos 4.º e 6.º anos
que venham a ter acompanhamento extraordinário (3).
(1) A decidir pelo agrupamento de escolas ou escola não agrupada.
(2) Formalização da avaliação sumativa interna até 11 de junho de 2014, inclusive.
(3) Início até 16 de junho de 2014, inclusive.


Pode consultar o  Despacho nº 8248/2013, de 25 de Junho

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cunha ribeiro às 14:47

Timor Leste - Uma pequena Luz ao Fundo do Túnel para horários Zero

por cunha ribeiro, Terça-feira, 25.06.13

Manifestação de Interesse para Timor-Leste

… para docentes dos quadros do MEC (apenas do continente) e com preferência para quem se encontra entre o 1º e o 3º escalão de vencimento.

O prazo de candidatura é até ao dia 30 de Junho e a candidatura é efetuada por mail.

 

 

Ex.mo(a) Senhor(a) Diretor(a)/ Presidente da CAP

Tendo a Coordenação do Projeto Escolas de Referência – Timor Leste manifestado a necessidade de selecionar docentes de carreira, para o exercício de funções no Projeto Escolas de Referência, venho informar o seguinte:

No âmbito do Protocolo de Cooperação entre Portugal e a República Democrática de Timor-Leste, pretende-se selecionar docentes de carreira, com qualificação profissional nos grupos de recrutamento 100 ou 110, para o exercício de funções em Timor-Leste, no Projeto Escolas de Referência mediante a figura de mobilidade prevista no artigo 68.º do ECD, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 139-A/90, de 28 de abril, última redação dada pelo Decreto-Lei n.º 41/2012, de 21 de fevereiro.

Não podem ser admitidos docentes das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores, por não se encontrarem abrangidos pelo disposto no referido artigo 68.º.

Será dada preferência a:
1. Docentes posicionados nos 1.º, 2.º e 3.º escalões da carreira docente sem componente letiva.
2. Docentes posicionados nos 1.º, 2.º e 3.º escalões da carreira docente com componente letiva.

A seleção dos candidatos será efetuada pela Coordenação do PERTL-CF, na qualidade de entidade proponente.

Os interessados deverão remeter para o email DSEEPE@dgae.mec.pt , até dia 30 de junho de 2013, os seguintes documentos:
a) Cópia de documento de identificação;
b) Cópia do Registo Biográfico atualizado;
c) Declaração do Diretor emitindo parecer favorável sobre a mobilidade ao abrigo da alínea a) do art.º 68.º do ECD, com a indicação de ter sido ou não atribuída componente letiva ao candidato no presente ano letivo e o escalão em que o docente se encontra.
d) Curriculum Vitae.
e) Declaração de robustez física

Mais solicito a V. Ex.ª que proceda à divulgação desta comunicação junto de todos os docentes.

Com os melhores cumprimentos,

O Diretor-Geral
Mário Pereira

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cunha ribeiro às 09:59