Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




DO MAL O MENOS: UMA ESPERANÇA PARA QUEM TEM HORÁRIO ZERO

por cunha ribeiro, Terça-feira, 07.05.13

Crato quer professores com horário zero no lugar dos profissionais contratados pelas autarquias para ocupar os tempos não lectivos dos alunos do 1.º ciclo.

O Ministério da Educação quer colocar os professores com horário zero – sem turma atribuída – nas actividades extracurriculares do 1º ciclo, retirando aos municípios a competência de contratar directamente os profissionais que asseguraram estes tempos não-lectivos. Uma medida com a qual a tutela poderá gerar uma poupança de 75 milhões por ano e que permite aos professores escapar aos horários zero e evitar assim passar para o regime de mobilidade especial da função pública.

Recorde-se que Nuno Crato diz estar a trabalhar em várias medidas para “que nenhum professor com ausência de componente lectiva entre em mobilidade especial“.

 

(Do Blog Arlindo)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por cunha ribeiro às 14:18